GESTO AMPLIFICADO APRESENTA OBRAS LATINO-AMERICANAS NA CAIXA CULTURAL SÃO PAULO

Padrão
Horário: 10h às 22h (terça a sábado) e 10h às 21h (domingo)
Local: CAIXA Cultural São Paulo – Praça da Sé, 111, São Paulo (SP).
Entrada: Franca


Exposição cria 
multiplicidade visual das relações políticas, classes sociais, arquiteturas e personagens por meio da arte

Obra de Heberth Sobral

Obra de Heberth Sobral


 A mostra apresenta o conjunto de obras de dez artistas contemporâneos do Brasil, Argentina e México e traduz uma visão típica das metrópoles, refletindo o caos, as relações políticas, classes sociais, arquiteturas e personagens por meio da arte. A exposição conta com o patrocínio da Caixa Econômica Federal e estará aberta ao público até o dia 23 de setembro de 2012. O horário de visitação é de 10h às 22h, de terça a sábado, e no domingo de 10h às 21h. A entrada é gratuita.

As obras apresentam diversas possibilidades de ações plásticas, criam movimento e narrativa, levando o espectador a apreciar o limite de uma experiência sensorial e estética. A mostra é composta por fotografias, desenhos, vídeos, grafites, instalações, desenhos e pinturas dos artistas Alê Souto, Bruno Miguel, Carla Evanovitch, Coletivo Acidum, Demián Flores, Heberth Sobral, Horácio Cadzco, Magrão, Pablo Rosales e Pedro Sánchez.
“Gesto Amplificado” é uma exposição que torna visível a atuação do artista em territórios distintos, preserva a natureza das obras e fomenta a participação do público. A linha do brasileiro Alê Souto, partícipe e curador convidado, busca uma multiplicidade visual por meio da conexão de linguagens, mixadas com características gestuais e pictóricas, e segue a tendência de fusão de mídias com interação dos diversos campos da arte.
Sobre os artistas:
Alê Souto (Rio de Janeiro – Brasil) Instalação / Pintura Mural / Objeto – aborda temas políticos, acontecimentos históricos ou questões existenciais, partindo basicamente de dois pontos: drama e ironia.
Bruno Miguel (Rio de Janeiro – Brasil) Pintura / Objeto – imprime seu peculiar senso de humor com alusões diretas a cultura e atmosfera do lugar que está retratando.
Carla Evanovitch (Belém do Pará – Brasil) Performance / Vídeo – coloca-se em terceira pessoa e inicia uma investigação do urbano a partir de personagens comuns, flertando com os papéis na sociedade em que vivemos. 
Coletivo Acidum (Fortaleza – Brasil) Pintura mural / Livro objeto / Grafite –  trabalha com imagens oníricas, criando personagens  que contém referências e elementos do mundo real.
Demián Flores (Oaxaca – México) Objeto / Instalação / Desenho – discute o embate entre as culturas do colonizado e do colonizador. Transita entre a cultura pré-hispânica, a artificialidade e o uso das imagens midiáticas.
Heberth Sobral (São Paulo – Brasil) Fotografia – narra cenas do cotidiano. Mostra o clima divertido das relações interpessoais na cidade do Rio de Janeiro.
Horácio Cadzco (Ciudad de México – México) Desenho – enxerga o corpo em suas múltiplas expressões e cria esculturas e desenhos onde a dualidade presença versus ausência  é uma constante.
Magrão (Rio de Janeiro – Brasil) Instalação / Pintura mural / Grafite – trabalha no limite entre a pichação, grafite e a arte conceitual, experimentando caligrafias somadas a objetos em terceira dimensão. 
Pablo Rosales (Buenos Aires – Argentina) Instalação / Objeto – seleciona fragmentos visuais e materiais de zonas de isolamento, sinalização e manutenção de construções públicas para estilizá-los. 
Pedro Sánchez (Rio de Janeiro – Brasil) Instalação / Apropriação / Vídeo – mostra um apanhado de diversas imagens espalhadas pela cidade (Capital Visual).
Anúncios

Sobre Sergio Rizo

Geógrafo (USP,2003), Mestre em ciências para integração da América Latina (USP/PROLAM, 2012 - Pesquisa de Mestrado: "Estudo comparativo da mídia exterior de São Paulo e Buenos Aires (Link para baixar este estudo: http://migre.me/gslqm) Pesquisador de temas relacionados a publicidade ao ar livre, intervenções urbanas, comunicação e comunicação na América Latina. Diretor da empresa RS Projetos (desde 2002). Atua na coordenação de projetos. - Autor do livro: "A mídia exterior na cidade de São Paulo" (2008); - Professor Nível Superior de Geografia UNIESP: Teoria e Método em Geografia, Introdução a Geografia Brasileira e Geografia Agrária (2012 - atual); - Doutorando em Geografia Humana pela USP (2013).

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s